Sábado, 20 de Janeiro de 2007

O teu mundo...

 
Não sei nem sequer por onde começar... nem sei se quero começar... no entanto sei que preciso exteriorizar o que sinto... a dôr... o ainda não querer acreditar... o facto de ainda não ter visto com os meus próprios olhos... sei a teoria toda... conheço o que acontece... o porquê de acontecer e sei como lidar com isso... mas agora és TU... não é um estranho... e dói... custa saber que entraste nesse mundo... assim... sem mais nem menos... das últimas pessoas que esperaria que fosse viver nesse mundo à parte... sim, porque o mundo em que agora vives é somente teu... não nos permites lá entrar... não nos permites saber o que se passa, o que sentes, o que vives... ainda estás na fase de não quereres reconhecer... de saberes que esse mundo existe, que é real para ti mas não o queres reconhecer como tal... ainda não... implicaria reconheceres que estás a perder a tua independência.... aquilo que sempre mais prezaste... as tuas capacidades cognitivas... a tua grande força... a tua prontidão de ajudar os outros... e agora? Agora és tu que mais precisas de ajuda...
 
Esse mundo... como gostava de saber o porquê que ele existe para ti... como gostava de conseguir entrar nele e ajudar-te a viver nele da melhor maneira possível... sei que não vou conseguir retirar-te dele... sei que ainda vives um pouco nos dois mundos... sei que é difícil para ti tomares decisões... os dois mundos entrelaçam-se muitas vezes e não sabes o que escolher... Mudaste tanto... mas eu continuo a amar-te como sempre... apenas com dôr... com a dôr de saber o que o futuro vai significar... com o medo de encarar a realidade... a realidade que chegará uma altura em que não mais vou conseguir chegar a ti... o teu mundo vai engolir-te totalmente como uma grande onda num mar selvagem... e não mais voltarás para o porto seguro... estarás para sempre presa nessa ilha, nesse teu mundo...
 
Não sei que fazer... sinto um vazio muito grande... sempre foste o meu exemplo... a grande mulher que sempre quis ser... queria tanto estar perto de ti... sei que ainda conseguiria fazer com que abrisses a tua alma para mim... mais ninguém o consegue... mas eu sei que o iria conseguir... todos se colocam na defensiva... todos o querem negar... e tu não queres ser um peso para ninguém... não és... és das pessoas mais bonitas que conheço e mais sensíveis também... só que essa sensibilidade agora torna-se agressiva... porque ninguém entende o teu mundo... porque te confrontam da forma errada com aquilo que ainda não queres admitir... Sei que não vais queres viver assim... Detesto esse teu mundo... queria ser capaz de o destruir... de trazer-te para a realidade... ter-te de novo de volta... como és... como sempre te conheci...
 
Não sei mais que dizer... somente que gosto muito de ti... e, agora mais do que nunca... que vou sempre apoiar-te... vou estar sempre do teu lado... ainda que a distância nos separe... sei que sentes o meu amor... o meu apoio... sei que sabes que ia abraçar-te forte... que ia deitar-me no teu colo como sempre fiz... dar-te mimos e beijos... ia mostrar como para mim és e serás sempre a mesma.... ainda que esse teu mundo te leve para longe estarás para sempre presente no meu coração... Para sempre...
 
Justwords
escrito por JustWords às 21:14
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Mybeat a 21 de Janeiro de 2007 às 21:11
...por vezes basta saber que temos alguém ao nosso lado...alguém que nos sabe ouvir....alguém que mesmo sem perceber não sente necessidade de recriminar...

alguém...seja quem for...
De JustWords a 22 de Janeiro de 2007 às 13:14
É isso mesmo... só ouvir... e tentar compreender ainda que sem perceber completamente.

Beijos :)

De programe-se a 23 de Janeiro de 2007 às 22:30
sem comentariios (vm :( )

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28

.palavras recentes

. Tudo tem um final... feli...

. Green Summer!

. Saudades do mar...

. Continuando a caminhar...

. Caminhando!

. Lutando pelos sonhos!

. Mais uma vez...

. Química - Ligação complet...

. Still counting down!

. Química - counting down!

. Caixinha de Papel - Sorri...

. Deambulações!

. Realidade da virtualidade...

. Folha em branco...

. Noite de Fado

.palavras arquivadas

. Fevereiro 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

.E-mail

justwords@sapo.pt