Terça-feira, 17 de Outubro de 2006

Now and Forever...

Sempre nos conhecemos... desde sempre me lembro de te ter como amigo. Como bom amigo, o amigo divertido e, claro... o Don Juan! Nunca estavas sozinho, tinhas sempre alguém, disseste-me várias vezes “Não fui feito para estar sozinho, preciso de alguém para me sentir completo”.
Saíamos todos juntos, ríamos, conversávamos, por vezes conversas mais sérias, outras, só mesmo brincadeiras e assuntos superficiais.
Dançamos juntos bastantas vezes, ensinei-te alguns passos de dança e tu ensinaste-me outros. Durante tanto, mas tanto tempo, fomos amigos. Grandes amigos. Mas sempre e somente amigos... E, assim, de um momento para o outro, tudo mudou...
 
Não me lembro do nosso primeiro encontro... foste o meu amigo de sempre.
Mas lembro-me das primeiras insinuações, da minha cara espantada, do meu sorriso nervoso. Lembro-me do primeiro toque de mãos, de como me “soube bem”... que estranho... tinhas tocado as minhas mãos tantas vezes... o que se passava connosco?
Lembro-me de começar a sentir algo mais... lembro-me das “borbulhas” na barriga... lembro-me de me teres oferecido o teu ombro amigo... e, tu, sim, tu sabias que tinhas segundas intenções, quase todos sabiam... menos eu.
Depois, convidaste-me para ir tomar qualquer coisa a horas esquisitas... pensei “Está doido, completamente, só pode... ou deve ter namorada nova e quer conversar”. Mas não, querias conversar sim, mas conversar e passar tempo comigo. Aos poucos foste conquistando-me, devagarinho, suavemente... eram, foram e sempre serão as pequenas coisas.
 
Do que me lembro, mais intensamente, foi do dia em que decidimos dar o primeiro passo definitivo... do dia em que tu percebeste que eu estava preparada... Já me conhecias tão bem...
Lembro-me do carro... da rosa... do poema... da praia... do mar... da areia quente... do sol brilhante... das palavras... do beijo, o primeiro... e da pergunta... “E agora?”.
Sim, porque ninguém estava realmente à espera que desse resultado, havia muito mais envolvido, mais pessoas, não éramos só nós. Tu sabias isso, e eu sabia isso.
Mais uma vez demonstraste o quanto me querias, juntos ultrapassámos todos os obstáculos... e foram muitos... tantos... tivemos quase a desistir, chorei, choraste, chorámos juntos... mas sempre tivemos o dom de comunicarmos... a nossa amizade falava sempre mais alto. Tudo ultrapassámos, aprofundamos a nossa já intensa amizade, fomos cultivando a nossa paixão, fizemos crescer o nosso amor.
 
O que mais amo no nosso amor é conseguirmos, após estes anos juntos, dizer sempre aquilo que pensamos, expressar o que sentimos, o que nos magoa, o que nos faz feliz, o que nos faz falta.
O que mais amo é que, mesmo depois destes anos, parece que foi ontem... quantas vezes dizemos... “já viste que não crescemos??? Parecemos ainda dois apaixonados!”.
E somos, só que além da paixão partilhamos agora um grande e forte amor, um amor que lutou contra tudo e contra todos e, ainda assim, sobreviveu, tornando-se a nossa grande âncora.
 
És o melhor que tenho na vida... deste tudo por mim... perdeste tudo por mim... sacrificaste-te para Eu conseguir realizar o Meu sonho.
Mostraste-me o que é o verdadeiro amor... o verdadeiro significado da pequena palavra amar.
Orgulhaste tanto de mim que às vezes até tenho medo... Não sou perfeita e posso desiludir-te... mas tu dizes que não, que para ti sou perfeita... e tu, para mim, és perfeito... és quem eu mais amo...
Juntos atingiremos tudo, juntos vamos continuar a sonhar, a amar, a partilhar, a completarmo-nos um ao outro... dia após dia, ano após ano...
Now and Forever...
 
JustWords
Outubro 2006
escrito por JustWords às 21:52
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28

.palavras recentes

. Tudo tem um final... feli...

. Green Summer!

. Saudades do mar...

. Continuando a caminhar...

. Caminhando!

. Lutando pelos sonhos!

. Mais uma vez...

. Química - Ligação complet...

. Still counting down!

. Química - counting down!

. Caixinha de Papel - Sorri...

. Deambulações!

. Realidade da virtualidade...

. Folha em branco...

. Noite de Fado

.palavras arquivadas

. Fevereiro 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

.E-mail

justwords@sapo.pt